[CHIQUE É SER MALDiTO]

– entropia

Posted in -lágrimas de COCrODILLO by Bruno F. Duarte on novembro 21, 2007

Códigos díspares

reclamam amor.

Cada qual ao seu modo,

dispensam pudor.

Um é poeta,

o outro ator.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: